Uni Wien_HG

Este ano a Fundação Khyentse (FK) vai aumentar substancialmente seu apoio aos esforços de tradução contribuindo para dois programas de formação de tradutores, um em Viena e outro no Nepal. O Programa de Estudos de Tradução Budista (ETB) do Instituto de Estudos do Sul Asiático, Tibetanos e Budistas da Universidade de Viena tem como objetivo melhorar a formação dos tradutores envolvidos em estudos canônicos budistas em geral e no Projeto de Tradução 84000 em particular. Conforme afirma o Professor Klaus-Dieter Mathes: “Com um alto grau de sinergia, o Programa de Estudos de Tradução Budista se encaixa bem nos programas de bacharelado e mestrado que já existem em Viena”.

O financiamento inicial de 1 ano da FK para o ETB irá patrocinar seminários sobre proficiência de tradução durante o inverno e primavera para estudantes de mestrado e doutorado, um seminário de verão sobre a tradução de textos budistas para o Inglês e seminários conjuntos com a Universidade da Califórnia Berkeley e a Universidade de Hamburgo. Uma bolsa de estudo integral para um estudante de doutorado e fundos para trazer um khenpo para ensinar ao longo do ano também estão incluídos no apoio.

Além disso, começando no outono de 2014, a FK irá custear a criação do programa de mestrado em tradução, interpretação textual e filologia do Instituto Rangjung Yeshe (IRY). O programa de mestrado irá ampliar o curso de estudo da língua tibetana básica, aumentar a oferta de sânscrito e acrescentar metodologias mais avançadas de linguagem e tradução para assegurar que os esforços de tradução para o Inglês sejam compatíveis com o rigor e estilo acadêmico. O novo programa irá expor os alunos a especialistas internacionais e, assim, estimular seus esforços no estudo Budista. O objetivo do IRY é criar um programa capaz de educar os tradutores participantes e, ao mesmo tempo, contribuir para a base de conhecimento atual compartilhada por todos os tradutores Budistas. O financiamento inicial da FK apoiará um professor adicional por 2 anos e um professor visitante por ano. O IRY dará a contrapartida ao apoio da FK arcando com os custos adicionais de suporte administrativo e de infraestrutura necessários para a execução do programa de mestrado de 2 anos.